domingo, 31 de agosto de 2008

Dia de lembranças

O post de hoje não tem tema, a não ser me recordar das coisas, talvez nem lhe interesse.
Tem dia que eu simplesmente quero ficar lembrando das coisas, tem gente que acha que isso é viver do passado, eu sinceramente amo lembrar das coisas, deixar as coisas gravadas para mais tarde rir, chorar, sorrir com elas. Hoje reparei que sempre fui uma nômade de blogs, nunca consegui me fixar muito em um blog, não sei o motivo, talvez seja porque enjôo, porque no decorrer do tempo meu modo de pensar muda e já é impossível ficar naquele lugar. Hoje dei uma repassada em todos meus antigos blogs, irei listá-los para você repararem o quantidade! Eu até me envergonho às vezes com isso, e olha que todos são ainda desse ano, já tive outros três fora esses.
http://vida.sociopata.zip.net/ Fundado dia 13/02/2008 com sua última atividade no dia 25/03/2008
http://diario-mariah.blogspot.com/ Diário de Mariah, não durou mais do que três postagens, era pra ser uma história que está quase toda bolada na minha cabeça, só não sei como escrevê-la, ainda quero escrever ela algum dia. Durou só alguns poucos dias.
http://anjo-escritor.zip.net/ O anjo escritor, uma outra história que achei criativa até, não teve continuidade, só chegou ao capítulo dois que ainda está escrito no papel.
http://eternoslacos.zip.net/ Eternos Laços, o mais recente, após ele aqui estou eu. Esse foi um bem marcante pois nele estão muitos pensamentos meus, nos outros nem tanto. Pena que para mim se tornou impossível escrever lá. Nesse blog tive participação do meu ex-namorado que resultou em três posts. Nem eu nem ele queremos reviver aquilo lá. Inclusive por que em parte o nome do blog fora em homenagem a ele.
E enfim a lista acabou, sabe de uma coisa? Nunca irei apagá-los, a UOL e a blogspot terão que apagá-los se não o quiserem mais, todos tiveram um significado, marcam meus crescimento, de uma pessoa ainda pequena. Uma pessoa que tem medo de crescer e tem medo de continuar pequena. Morro de medo de ser esmagada mas também não penso de maneira alguma em esmagar alguém, seria mais doloroso em mim do que no esmagado.
Jjuro, estou tentando me fixar aqui,mas não garanto nada, não sei sobre o futuro, gostaria de ter um blog que durasse anos como uma amiga minha tem, mas não sei consigo. Às vezes tento apagar memórias dolorosas no desespero, mas nunca consigo. E agora, estou com lágrimas nos olhos, típico meu. Lembranças me fazem chorar.
No geral sou uma pessoa inconstante. Tenho medo de ser outra pessoa além de mim porque tenho medo de me conhecer por outros olhos, tenho medo de me arrepender com o que verei. Seria interessante, é claro.
E aos que me conhecem meus pêsames. Deve ser chato lidar com essa inconstância.
Talvez mais tarde eu volte com um poema para compensar essa chatice. ^^

2 comentários:

Rodrigo Hyoukami disse...

Chatice...
De forma alguma é como disse...
Seus pensamentos tem valor...
Mesmo que venham a ser dor...
Não podem simplesmente olhar...
De cima a baixo, avaliar...
São parte de teu interior...
Tão unico, ao mesmo tempo tão igual...
Igual a qualquer um, querendo o seu amor...
Por isso não julgue-o sem sal...
Quando é tão especial...
Não estas só afinal...

Fique bem.

.[P].a.[R].ente disse...

E quem não é inconstante? Quem não tem medo de se olhar por outros olhos? E talvez essa "fuga", não de blogs, mas de vc msm, seja adiada com tais atos. Mas um dia vc vai se achar a si mesma. É irremadiável.